O que é um treino fracionado?

Fez grandes progressos nos últimos meses, mas seus treinos entraram na rotina? É difícil progredir? Experimente o treino fracionado para recuperar a motivação de progredir! Reconhecido pela sua eficácia, este tipo de treino é incontornável. O que é o treino fracionado? O treino fracionado, também chamado de “intervals training”, é um método de treino para esportes de resistência (corrida, ciclismo, […]

Corrida 03 de Novembro de 2016

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest

Fez grandes progressos nos últimos meses, mas seus treinos entraram na rotina? É difícil progredir? Experimente o treino fracionado para recuperar a motivação de progredir!
Reconhecido pela sua eficácia, este tipo de treino é incontornável.

O que é o treino fracionado?

O treino fracionado, também chamado de “intervals training”, é um método de treino para esportes de resistência (corrida, ciclismo, natação, remo,etc) onde se alterna as fases de aceleração, recuperação e retomada com suavidade. Objetivo: melhorar progressivamente a resistência para alcançar um desempenho cada vez melhor. Desafiando o corpo mediante um esforço intenso, o coração e os pulmões aprendem a armazenar cada vez mais oxigênio.

O treino fracionado tem inúmeras vantagens

Numa sessão de treino fracionado o seu corpo é sujeito a pressões diferentes. O coração, os pulmões e os músculos são sujeitos a uma alteração de ritmo. O corpo sai do seu ritmo de conforto para lhe permitir ir mais longe e mais rápido.

Esse tipo de treino pode ser adaptado tanto para principiantes quanto para os mais avançados, e sem dúvida pode ajudar a encontrar cada vez mais motivação. O treino fracionado permite melhorar muito mais do que apenas a resistência, pois trabalha as capacidades físicas cardíacas, respiratórias e também musculares, aptidões indispensáveis para progredir. Com todas estas vantagens, resta apenas experimentar!

Como iniciar um treino fracionado e que método escolher?

Melhorar a sua resistência significa melhorar a VMA (Velocidade Máxima Aeróbica). A VMA é o ritmo em que o nosso consumo de oxigênio se encontra ao máximo, só é possível aguentar esse ritmo durante cerca de 1km ou 6 min. A VMA é um indicador que varia de pessoa para pessoa.

Escolha os exercícios fracionados que deverá realizar regularmente. Existem 4 tipos:

30/30, clássico e eficaz
O princípio é simples: 30 segundos em velocidade e 30 segundos devagar, repetindo várias vezes. Para os adeptos da corrida que sabem qual a sua VMA, veja abaixo um quadro que poderá te ajudar a definir a distância a percorrer em 30 segundos.

VMA do corredor

Distância a percorrer em 30 segundos a 100% VMA

12 km/h

100 m

13 km/h

108 m

14 km/h

116 m

15 km/h

125 m

16 km/h

133 m

17 km/h

142 m

18 km/h

150 m

19 km/h

158 m

20 km/h

166 m

21 km/h

175 m

 

A pirâmide, um verdadeiro trabalho lúdico de motivação

Alterne as fases de esforço e de recuperação com durações que evoluem como uma pirâmide. Os treinos cardio de Crossfit e Cardio Training podem utilizar este método de HIIT (High Intensitivity Intervals Training). Veja um exemplo de programa: 60 segundos de jumping jacks, 50 segundos de prancha, 40 segundos de agachamentos, 30 segundos de flexões, 20 segundos de agachamentos com salto, 10 segundos de burpees (que corresponde à fase de recuperação). Em seguida, novamente 20 segundos de agachamentos com salto, 30 segundos de flexões… até alcançar 60 segundos de Jumping jacks, ou seja, refaça a sequência de forma reversa.

Sessão em subida, para reforçar os músculos

Adaptado a principiantes e experientes, este treino fracionado trabalha os músculos. O objetivo é trabalhar em subidas durante várias sessões com um ritmo de velocidade moderada. Recupere entre cada sessão e desça suavemente. Cabe a cada esportista definir as sessões de tempo em função da inclinação. Para os ciclistas, uma sessão se inicia com um aquecimento seguido de 5×5 min de subida, 15 min de recuperação, 5×5 min de subida novamente e depois mais 15 a 30 min de recuperação pedalando tranquilamente.

Treino fracionado longo, para os mais experientes

Repete-se a mesma distância consecutivamente e cada fase é intercalada com uma recuperação. Exemplo de treino numa pista de atletismo: 3x 2km com uma recuperação correspondente à metade do tempo de esforço entre cada volta. A dificuldade consiste em manter o mesmo ritmo em todas as sessões.

Acelere, recupere, acelere, recupere: experimente o treino fracionado para progredir!

  • b'twin
  • ciclimo
  • ciclismo estrada
  • conselhos
  • corrida
  • corrida de rua
  • cycle
  • decathlon
  • fitness
  • fracionado
  • frquência cardíaca
  • geonaute
  • kalenji
  • running
  • sprint
  • treino fracionado
  • vam
  • vma