6 CONSELHOS PARA ESCOLHER O SEU TÊNIS DE CORRIDA

Para correr nas melhores condições possíveis, é necessário se equipar com um tênis adaptado especificamente para a corrida e também ao uso que você fará dele. Isso, sem dúvida, vai auxiliar no melhor desenvolvimento dos seus treinos, tenha você apenas o objetivo de correr para se sentir bem ou mesmo para buscar a performance e melhor […]

Corrida 30 de Novembro de 2016

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest

Para correr nas melhores condições possíveis, é necessário se equipar com um tênis adaptado especificamente para a corrida e também ao uso que você fará dele. Isso, sem dúvida, vai auxiliar no melhor desenvolvimento dos seus treinos, tenha você apenas o objetivo de correr para se sentir bem ou mesmo para buscar a performance e melhor cada vez mais o seu pace.

Listamos abaixo 6 pontos básicos que você deve considerar na hora de escolher o melhor tênis.

1. CUIDADO COM SUA NUMERAÇÃO

Durante a corrida seu pé escorrega vários milímetros para a frente, portanto, ao experimentar um tênis de corrida, assegure-se de escolher um modelo onde seus dedões não possam ir de encontro com a frente do calçado, isso trará muito desconforto, pequenas lesões e ainda irá reduzir a vida útil do tênis. Deixe um centímetro entres os dedões e a ponta do tênis. Uma forma simples de fazer essa medida é colocar o seu dedo indicador entre o seu dedão e a ponta do tênis quando calçá-lo. Seu dedo indicador deve se “encaixar” a esse espaço.

2. SEU PESO CONTA!

Não se deve escolher o mesmo modelo de tênis quando pesamos 60 ou 90 quilos.

Você sabia disso?
Quando você corre, o impacto de cada pisada corresponde a cerca de 3 vezes o seu peso. Esse impacto se propaga do calcanhar até o topo da coluna vertebral. As articulações desempenham o papel de amortecedor, mas elas trabalham arduamente, portanto, a escolha de um bom calçado de corrida é primordial para absorver os choques e dispersar as vibrações.
Sendo assim, acima de 80 kg, dê prioridade a um bom amortecimento, privilegie uma sola de espuma intermediária, mais firme, e uma tecnologia de amortecimento complementar no nível do calcanhar e na dianteira do pé.

3. ASFALTO OU TRILHA ?

Seu tênis deve ser adaptado ao ambiente onde você vai correr. Para correr em solo estável (asfalto, concreto) priorize o amortecimento e um solado resistente à abrasão, pois é nesse terreno que os calçados gastam mais. Se você correr em trilhas, prefira uma boa firmeza do pé e uma sola serrilhada, adaptada aos obstáculos naturais, o que vai te proporcionar maior aderência.

4. COMO DEFINIR SUA PISADA?

Para determinar seu tipo de pisada, o melhor meio é observar o gasto da sola externa de seus tênis de corrida. Se você não tiver calçados de corrida para observar o gasto da sola externa, sugerimos que você consulte um podólogo para determinar seu tipo de pisada.

5. ESCOLHA SEU CALÇADO NO FIM DO DIA!

Durante o dia a dia, quando você fica em pé, se deslocando ou mesmo por estar usando algum tipo de calçado (seja ele para prática esportiva ou casual) seu pé incha e tende a ficar amassado dentro do calçado, portanto, uma boa dica na hora de comprar um tênis, é fazê-lo ao fim do dia, quando seu pé estará inchado.

6. QUANDO TROCAR DE TÊNIS?

Não espere se machucar para trocar seu tênis de corrida. Os de sola espessa permitem efetuar entre 1.500 a 2.000 quilômetros. Para calçados mais leves, considere 500 quilômetros no máximo (modelo específico para a competição).
De qualquer forma, lembre-se que a “quilometragem” do seu calçado também dependerá dos cuidados com o seu equipamento. Veja aqui algumas dicas para manter seu tênis bem conservado.

Siga nossas dicas, escolha o tênis de corrida ideal para você e… BOM TREINO!

  • calçado
  • calçado de corrida
  • corrida
  • corrida de rua
  • decathlon
  • decathlon running
  • kalenji
  • kalenji run
  • kalenji running
  • running
  • running shoes
  • tênis de corrida
  • tênis para correr